sexta-feira, 26 de agosto de 2011

A Feira do Aracati





A feira livre representa uma ponte entre os moradores e o lugar. Ali claramente percebe-se uma relação que vai muito além do comércio. É a integração. O reconhecimento do lugar. E principalmente o encontro. Um lugar de encontros, isso que alimenta as feiras de todos os lugares. Se não houvesse o encontro morreriam por inanição. É uma das mais belas representações do patrimônio do lugar. O passado, presente e futuro se confundem no mesmo espaço do tempo.  Como diz José Reginaldo Gonçalves:  “Somos na medida em que nos lembramos.”
A feira livre traz o campo, o sertão, para as cidades. A Feira é “livre” e é isso que a torna única. Na Feira circulam as notícias, conversas, afetos, emoções. Nesse burburinho pulsa a vida dos  lugares.
Essa realidade acontece  todos os dias na "Feira Livre do Aracati". Uma exceção em relação a outros lugares, a Feira é diária. 
Por isso, todos os dias, feirantes, pessoas do lugar e de fora se encontram e se reconhecem. E é na "Feira Livre" que podemos fazer uma das melhores leituras do lugar.  Com toda liberdade que ela nos oferece.  A Feira é LIVRE!
Estando no Aracati/Ceará faça esse passeio cheio de cores, aromas e sabores!

2 comentários:

Jailson Ribeiro disse...

Muito Bom! Ficou lindo as fotos ou melhor o post. Sempre passo entre a feira e até mesmo chegando a fazer umas comprinhas...Parabens!

Sandro Guimarães disse...

infelismente Aracati está perdendo muitas caracteristicas, ainda bem que imagens como essas nos trazem à memória uma viajem ao tempo quando nosso municipio era mais 'livre' da má ação dos interesses particulares politicos e que hoje nos deixam na saudade. a feira ainda resiste a tudo isso. Graças a Deusundesti